sexta-feira, 13 de julho de 2012



É tudo sobre imposições suposições. O meu drama é levado em consideração em demasia, o seu drama deve ser considerado apenas uma brincadeira. O que eu digo tem interpretações de cunho psicológicos e filosóficos, o que você diz.. bem.. não foi bem isso que você queria dizer. Bem que eu fui introduzida ao assunto.. bem que eu fui avisada.. bem que eu sonhei que seria assim. Aquele grito abafado de quem não consegue se defender e aquela lâmina que não conseguia ferir ninguém. É pra parar de ser fraca.. de achar que sozinha não vai dar pé, sendo que já deu. Sendo que já sabe que dá. É sobre alguém que sempre pensa primeiro nos outros agora pensar em si mesma e na sua saída da gaiola. É sobre eu não dar atenção às vozes e ter atinar em provocar a ironia que mais me fez viva nos últimos anos. É sobre mim. Sobre mim. Meu relógio é diferente do relógio do menino-pedra-na-vidraça. Mão-contra-mão. 

-na volta eu te alcanço.. na volta eu te alcanço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu blah blah blah aqui: