terça-feira, 30 de agosto de 2011


Arrebentam se fio a fio as linhas únicas que prendiam as estrelas no meu céu. estrelas cadentes em mim. doem, ardem deixam marcas, mas cada uma que me acertar irá valer por dois pedidos. Assim posso pedir duas vezes mais por meu começo feliz.

3 comentários:

  1. Lembre-se que toda borboleta já foi lagarta um dia, mudanças são dolorosas porém necessárias. =)

    ResponderExcluir

Deixe seu blah blah blah aqui: