segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

nós e laços

sentia falta daquele romance inventado e indelicado que tinha com ele. as vezes queria voltar. as vezes queria nunca ter tido. mas de certa forma sentia falta e guardava tudo aquilo amarrado na sua história como quem amarra laços piegas nos cabelos. por mais que ninguém gostasse, ela precisava daquilo como um pássaro sabe que precisa voar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu blah blah blah aqui: