sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

toda a água do mundo.

agora sim,
escuto os vidros se quebrando..
todos eles..
estantes, parteleiras, todas se viraram;
louças de porcelana chinesa, vidros ingleses e coisas baratas.
tudo se quebrou.
tudo.
alguns pedaços que sobraram são maiores do que outros..
mas a grande maioria está em pó.
não sei nem mais diferenciar oq é oq,
se é que algo ainda tem valor.

agora sim,
escuto a chuva...
é uma tempestade..
a agua fria é boa.

que grita trovejando, a plenos pulmões.

e ela está levando tudo.
eu já nem tenho escolha se quero ou não.
ela faz tudo com um ar imponente, dizendo que sabe o que faz.

os trovões abafam minha voz.

Um comentário:

  1. Nosso mundo é revirado
    Como uma ampulheta gigante
    E o tempo está esvaindo-se lentamente,
    O que faremos com o que ainda nos resta?

    :)

    ResponderExcluir

Deixe seu blah blah blah aqui: