quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

mãos e mães.

Sua mãe constantemente a questionava do pq suas mãos não crescera.
Sua professora de biologia olhava e ria dizendo ser mãos de boneca de porcelana.

Dizem que nosso coração é do tamanho de nossa mão fechada.
-Então será que é por isso que as vezes ele doía?
           será que ele não dá conta da sobrecarga de sentimentos a serem pulsados?

Seu amigo a aconselhava todas as noites que tivesse cuidado ao dormir, para que não caísse da estante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu blah blah blah aqui: